Como superar a dor da traição.

Pensei em postar hoje sobre esse tema logo pela manhã enquanto lia uma reportagem a respeito em um jornal da Igreja Internacional da Graça, chamado jornal show da fé.  Sei que muitas pessoas sofrem por esse mal; seja na vida amorosa, profissional ou em ciclos de amizade. Eu… você… temos muitas pessoas que nos traíram, de uma forma ou de outra, e que nos fizeram mal, muito mal. Que nos inspiraram vinganças e nos fizeram chorar… enfim.

Mas realmente só decidi posta-lo a tarde, quando me vi na opção de perdoar ou criar um mal ainda maior.

De acordo com o dicionário Aurélio, traição significa, dentre outras coisas deslealdade e infidelidade. Mas como lidar com uma pessoa que nos fez sofrer tanto? É possível esquecer ou perdoar o traidor?

Psicólogos e pastores são unânimes ao dizer que perdoar é dar o primeiro passo ao prosseguimento da vida, aquele que não desculpa o outro, não se libera para seguir adiante. A pessoa fica presa a mágoa e ao ressentimento, podendo inclusive desenvolver enfermidades como depressão, dermatites e até mesmo doenças mais sérias como úlceras e tumores.

” Conviver com o traidor é uma opção, já perdoar não! A falta de perdão ou o acúmulo de sentimentos ruins e mágoas, raiva e rancor criam um estado de estresse no organismo, gerando um mal estar que vem acompanhado de hormônios como o cortisol e a adrenalina que fazem o organismo fique em estado de alerta, como se tendo que lutar contra alguma ameaça, ou fugindo dela. Isso afeta diretamente o coração levando-o a produção de certas substâncias nos vasos cardíacos que os estreitam e diminuem a circulação nesse órgão,  de acordo com o médico Roberto Azambuja”. Segundo ele ainda, a tensão também afeta o sistema imunológico, reduzindo a sua função de proteger o organismo, abrindo as portas para diversas enfermidades oportunistas de queda imune devido a estados emocionais.

Ainda pior do que não perdoar é o sentimento de vingança. É preciso admitir o fato, superar e seguir em frente, é um esforço a ser feito, difícil porém necessário. Nós sempre iremos encontrar pessoas que não irão corresponder às nossas expectativas, por isso devemos decidir não guardar ressentimentos.

Já o bem estar cria substancias bioquímicas envolvidas no nosso relaxamento, como as endorfinas que distenciona os músculos e tendões deixando o coração mais beneficiado com o fluxo sangüíneo e o sistema imune protegendo melhor o corpo das infecções e alergias.

Então meu amigo (a), perdoe, esqueça e passe por cima, mesmo que seja em prol da sua saúde.

Materia na integra: http://www.ongrace.com/jornalshowdafe/

por: Carol Estevam

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: